9 de setembro de 2013

Como Eu Era Antes de Você | Resenha

Como Eu Era Antes de Você começa nos divertindo, apesar da situação delicada, mas termina nos deixando com lágrimas nos olhos. A autora fez um trabalho incrível com esse livro que emociona pela forma realista e corajosa com que foi escrito. Me vi tão envolvida quanto Lou no dia a dia de Will, de tal forma que foi impossível não torcer pela sua recuperação e pelo envolvimento dos dois, por mais improvável que pudesse parecer.

William Traynor viveu uma vida grandiosa e era um homem de negócios super ativo e aventureiro, mas viu isso tudo mudar após ser atropelado por uma moto. Além de movimentar a cabeça e falar, o máximo que podia fazer era movimentar fracamente um dos braços. Ele passou a depender de alguém para cada pequeno ato, como comer ou, até mesmo, mudar de posição durante o sono. Conseguem imaginar uma vida assim? Deve ser difícil. Por isso, Will queria - e tentou - acabar com seu próprio sofrimento.   

A recusa de seus familiares em respeitar sua decisão só o mostrava mais ainda o quanto ele perdeu o controle sobre sua vida. A partir daí, o livro abordou um tema super delicado que provocou em mim um sentimento de indignação, mas, depois, de entendimento: o direito de escolher entre sua própria vida e a morte. Nunca cheguei a pensar nisso diretamente, mas a autora me fez entender o lado de Will, mesmo sem concordar.  

Além dele, Louisa Clark é quem completa o enredo. Ela é uma mulher de 26 anos que, apesar de ainda não ter dado um rumo certo à sua vida, se comprometeu a mostrar ao Will o valor da mesma. Lou mora com os pais e está acomodada num relacionamento de anos, mas quando perde o emprego no café que trabalhou durante a vida inteira, se vê em uma situação complicada e precisar correr atrás de outro emprego rapidamente para sustentar seus pais e sua irmã Katrina, que já tem um filho.    

Em meio à tentativas frustradas de arrumar um emprego, ela acabou como cuidadora de Will e começou meio sem jeito,  porque Will não facilitou em nada o seu trabalho, mas os dois protagonizaram cenas super divertidas, com pitadas de sarcasmo e humor negro, graças à teimosia de ambos, e é praticamente impossível não gostar e torcer para que eles tenham sucesso em suas dificuldades.  

O livro não fala apenas do amadurecimento pessoal de Will, mas também do de Lou. Essa não é uma história de amor fácil e provavelmente não vai agradar à todos, mas o jeito que a Jojo Moyes explorou o valor da vida e a forma como a aproveitamos fez com que esse livro fosse uma das lições mais divertidas, emocionantes e bem escritas que já li.  


Acompanhe o blog também pelo instagram | facebook  ♥


Escrito por: Lisete Reis


 

6 comentários:

  1. Já li muitos elogios sobre esse livro, e quero muito lê-lo. Já sabia que era tocante, mas é bom saber que também poderei dar risadas devido aos toques de sarcasmo. :)

    Abraço!
    http://constantesevariaveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Esse livro é MUITO bom, adoro o modo com a Jojo aborda o assunto e é impossível não se emocionar e simpatizar com o Will, um dos meus romances preferidos <3

    Adorei a resenha!

    Beijo:*
    Naty.

    ResponderExcluir
  3. Adorei sua resenha. Me instigou a ler o livro. Obg. :)

    K França, Skoob.

    ResponderExcluir
  4. Oi Lisete, tudo bem?
    Estou com o livro na minha estante para ler, e depois da sua resenha, posso afirmar que ele será o próximo! Adoro essa capa e a sinopse realmente deixa transparecer que o livro é bem emocionante ;)

    Beijos,
    salaodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito desse livro, mesmo o final ser absolutamente nada do que eu tinha imaginado (e esperado). Ele é o balanço perfeito entre sentimental e engraçado, só um tiquinho mais forte no final, mas tudo acontece de um jeito que não dá nem para discordar do que aconteceu ;) e sim, a capa é fofíssima <3! Beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quase não acreditei no que meus olhinhos leram agora: você gostando de um livro triste? :o Isso é tão raro que serve pra confirmar o quão bom ele é. <\3 Concordo com o que disse sobre o equilíbrio, foi um dos melhores livros que tive oportunidade de ler. Beijos, Nati. <3

      Excluir

Nos conta sua opinião. ♡ Assim que podemos, publicamos e respondemos todos os comentários.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

https://twitter.com/maccieirahttps://www.instagram.com/jennifermacieira/https://www.flickr.com/photos/113227884@N07/



https://www.instagram.com/lisete_reis/https://www.flickr.com/photos/153046504@N02/

Facebook

Instagram

Youtube

Newsletter

Publicidade

Booking.com